Analisando o potencial da Proposta de Negócio.

Após uma análise cuidadosa da COF, você deve ser capaz de avaliar a proposta de negócio e se a franquia o ajudará a cumprir seus objetivos financeiros presentes e futuros.

Originalmente publicada em: https://www.franchisedirect.com/information/guidetobuyingafranchise/analyzingthepotentialbusinessproposition/29/196/

Existem várias áreas principais que você deve considerar ao decidir se a proposta de negócio é a certa para você. Uma maneira muito direta é conversar com outros franqueados sobre sua experiência na administração do negócio e no relacionamento com o franqueador.

Se alguns dos itens dessas listas parecem repetitivos na revisão da COF, é porque o são. Nesse ponto, você deve saber as respostas para muitas dessas perguntas depois que você, seu advogado e um contador revisaram as condições do franqueador para a oferta de franquia. Pense nesses itens como uma lista de verificação antes de entrar em negociações ou assinar o Contrato de Franquia.

1. Finanças:

  • Qual é o custo total para estabelecer a operação da franquia e o que está incluído nesse custo?
  • Quanto capital de giro você precisa para começar?
  • Quais custos adicionais podem ser incorridos além dos custos de estabelecimento da empresa?
  • Quais, se houver, acordos de financiamento do franqueador estão disponíveis para você?
  • É necessário um depósito e ele é reembolsável se o empreendimento não for adiante?
  • Com que frequência o franqueado terá que substituir o equipamento?
  • Qual a margem bruta esperada do negócio?
  • Quais são as despesas associadas ao negócio?
  • Qual é a projeção para quando você vai atingir o breakeven?
  • Existem contas disponíveis que você pode revisar para confirmar essas projeções?

2. Fees

  • Qual é a taxa inicial?
  • Existem taxas em curso e como são calculadas?
  • Você tem que pagar por marketing / publicidade e, em caso afirmativo, quanto?
  • O franqueador dá margem aos produtos vendidos aos franqueados e quais proteções existem contra aumentos de preços abusivos?
  • O franqueador recebe uma comissão dos bens do fornecedor vendidos ao franqueado?
  • Existem taxas mínimas contínuas ou compra de bens exigidos do franqueado?

3. Primeiros passos

  • Quem é o responsável por encontrar o local?
  • Qual é o procedimento do franqueador para preparar o franqueado para iniciar as operações?
  • Quanto tempo você pode esperar entre a assinatura do contrato e o início do negócio?
  • Quais serviços iniciais o franqueador oferece?
  • Qual treinamento inicial e contínuo é fornecido? Sua equipe recebe treinamento do franqueador?
  • Quais custos estão associados ao treinamento?

4. Operando o negócio

  • Existe um Manual de Operações para orientá-lo e, em caso afirmativo, com que frequência ele é atualizado?
  • Qual o horário de funcionamento da empresa?
  • Como a contabilidade e a manutenção de registros serão gerenciadas?
  • Existem restrições aos produtos comercializados pelo franqueado?
  • Quais, se houver, publicidade e promoções nacionais o franqueador oferece?
  • O franqueado receberá ajuda para publicidade local? É fornecida literatura promocional e de ponto de venda? Você tem que pagar por eles e quanto?
  • Quem são a equipe da matriz e a equipe de suporte de campo? Como você pode alcançá-los?
  • Que sistemas existem para o franqueado se comunicar com o franqueador?

Se você souber as respostas a essas perguntas, estará pronto para tomar uma decisão sobre a assinatura do Contrato de Franquia. Você deve ter um bom entendimento de quanto está realmente investindo, uma estimativa precisa dos custos de funcionamento do negócio e o valor da receita que o negócio deve produzir. Esta é uma proposta de negócio e você deve ter uma ideia clara de quando deve esperar lucro e quanto pode ganhar.